Divisórias – Como escolher para manter o ambiente moderno e atrativo

dezembro 10, 2015 em Linha de Produtos, Projetos Corporativos

Divisorias RS DesignNa década de 50, as divisórias invadiam os escritórios para fornecer privacidade aos trabalhadores e garantir, a seus patrões, que eles não se distrairiam durante o expediente. Mas a evolução transformou este cenário e, hoje, a gestão de pessoas afirma que esse isolamento é prejudicial, e que o ideal é garantir a integração das equipes para manter a motivação em alta.

E as divisórias, ótimas para modelagem do espaço sem grandes intervenções estruturais e reformas, também foram evoluindo e passaram de delimitadoras de espaço aplicadas de forma impositiva a telas mais maleáveis que proporcionam limitação, quando necessário, privacidade, quando necessário e integração… quando necessário.

Com muitas possibilidades, as divisórias mais usuais são em madeira, vidro ou mistas. E mesmo quem opta pelo formato Open Space precisa de alguns espaços mais delimitados, seja para salas de reunião, seja para call centers e atendimento ao cliente. E é nessa hora que a possibilidade de mesclar materiais sólidos e transparentes é interessante.

A escolha da madeira é mais clássica. “Divisórias em madeira trazem elegância”, comenta o arquiteto Giuseppe Cafasso, que atua há mais de três décadas na área. “E existe uma grande variedade de acabamentos que se adaptam a diferentes propostas de arquitetura de interiores”, completa a arquiteta Claudia Bassichetto.

Já as divisórias em vidro unem otimização estética à resistência. “São muito usadas por serem versáteis, separando os espaços de forma que eles continuem integrados”, afirma Cafasso. Para Cláudia, as vantagens do vidro não param por aí: “ele permite a entrada de luz, não confinando a luz natural ao ambiente onde está a janela; é um excelente isolante acústico; e é sempre o mais fácil de limpar e manter”, detalha ela que gosta da aplicação de vidros transparentes ou serigrafados.

Para quem opta pela divisória de vidro, a instalação de persianas é uma alternativa para situações que exigem mais privacidade, são “um mecanismo simples e muito interessante”, nas palavras de Cafasso.

Na hora da escolha, além da questão visual, é indispensável a análise de outras questões estruturais. Locais sem piso elevado, por exemplo, pedem divisórias com dutos para passagem de cabeamento. Neste caso, as divisórias mais largas são mais indicadas. Deve-se levar em conta, também, os pontos de iluminação já instalados e o fluxo do ar condicionado.

Normas técnicas – Atenção às especificações básicas

Na hora de escolher os melhores modelos de divisórias para a segmentação dos espaços corporativos, é importante estar atento às normas técnicas. Nos últimos anos, a norma relacionada especificamente às divisórias foi revisada e dividida. Agora, as divisórias do tipo painel são regulamentadas pela NBR 13.964/2003 enquanto os modelos do formato piso-teto seguem as especificações da NBR 15.141/2004.

A segmentação foi bastante válida, afinal, apesar de serem inseridas para a divisão de ambientes, as divisórias do tipo piso-teto carregam, em si, ainda mais responsabilidades, visto que bloqueiam e restringem o acesso. Desta forma, devem seguir mais a risca os requisitos acústicos, térmicos, lumínicos, de prevenção à propagação de incêndio e na preservação de rotas de fuga.

Com espessuras que variam de 20 mm a 100 mm, podem ser de diversos materiais, desde que garantam a segurança dos usuários. O material escolhido deve ser auto extinguível, ter proteção contra corrosão galvânica e, no caso de vidros instalados a menos de 0,75m em relação ao piso, devem ser aplicados vidros de segurança com níveis definidos em comum acordo entre o fornecedor e o consumidor.

As divisórias são uma excelente opção para a criação de estações de trabalho, salas executivas, salas de reuniões e outros ambientes

As divisórias são uma excelente opção para a criação de estações de trabalho, salas executivas, salas de reuniões e outros ambientes

As divisórias oferecidas pela RS Design têm painéis removíveis que permitem fácil acesso ao cabeamento

As divisórias oferecidas pela RS Design têm painéis removíveis que permitem fácil acesso ao cabeamento

 

Posts Relacionados: